domingo, 10 de fevereiro de 2013

Brincar à ciência #1

Há dois anos, depois de passarmos uma fantástica manhã de domingo nos Jardins de Serralves, num dos programas de família que eles oferecem gratuitamente, percebemos que os miúdos não só adoram fazer experiências, como a brincar a brincar vão percebendo o como e o porquê das coisas que fazem parte do nosso dia-a-dia.

Desde então, são eles que se encarregam de me oferecer aos seus professores para ir à escola fazer experiências com a turma. Na semana passada foi a vez da sala do Tomás, e foi novamente uma  emoção. Não perderam pitada e no final fizeram desenhos pormenorizados com todos os passos das várias experiências.



Como estamos nas férias de Carnaval, aqui fica uma experiência super fácil e divertida para fazer com os miúdos.

video

Depois, é só explicar que as fibras do papel absorvem a água do centro para a periferia (a velocidade depende da textura do papel escolhido) expandindo-o, o que faz com que as folhinhas do nenúfar abram como que por magia. Se o papel do nenúfar for colorido ainda fica mais giro.

2 comentários:

  1. Maravilhoso o nosso piqueno, que desde os seus 3 anos diz que quer ser cientista adorou.
    Obrigada
    catarina

    ResponderEliminar